o melhor das férias

Não usar relógio. Não cumprir horários. Dormir até querer. Fazer o que me dá na real veia. Não me preocupar com roupa e sapatos para andar bem posta. Não ouvir, ver e aturar gente chata e maníacos do trabalho e da excelência (do tipo i’m the best e isto sem mim não era nada). Falar o menos possível, só quando quero e me apetece. Magicar e divertir-me com cenários e vernáculo vicentino, para usar enquanto bato com a porta na cara de alguns. Isso é que era, tivesse eu coragem para tal. Conheço quem tenha feito isso há uns três ou quatro meses atrás. Durante uma reunião, chateou-se com o patrão, pediu os papéis para a demissão da empresa onde trabalhava, assinou-os e bye, bye Zé. É de tê-los no sítio.

Anúncios

Sobre Juana

Esta é a minha vida, aquilo em que acredito. O mundo dá voltas, a vida passeia pelo fio dos dias e das horas e eu vou tentando manter o equilíbrio. Sempre na corda bamba.
Esta entrada foi publicada em dia a dia. ligação permanente.

2 respostas a o melhor das férias

  1. luisa diz:

    Estou nessa. Despreocupação. Boa vida. Relax. Viva às férias. :)

comentários

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s