tanto sapato

…e nada para calçar. Sem querer plagiar, mas é verdade. Hoje pela manhã calcei sapatos novos, todos catitas, adequados à estação. Tirei-os imediatamente. Tentei umas sabrinas, não consegui.  É sempre o mesmo drama, o mesmo desconforto. Os pés habituados à largueza das sandálias de verão e das havaianas, recusam-se a ficar apertados dentro de sapatos de salto alto ou baixo. Voltei aos velhos sapatos, de salto alto cunha, que funcionam na perfeição, quase umas pantufas, de tão confortáveis que são. Os meus queridos pezinhos vão sofrer, mas sossegaditos nas caixas é que os sapatos não ficam.

Anúncios

Sobre Juana

Esta é a minha vida, aquilo em que acredito. O mundo dá voltas, a vida passeia pelo fio dos dias e das horas e eu vou tentando manter o equilíbrio. Sempre na corda bamba.
Esta entrada foi publicada em dia a dia com as etiquetas , . ligação permanente.

comentários

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s