menos mal

Estive uma hora de pé nas finanças para ser atendida e resolver o problema. À minha frente, um casal a resolver um problema, estava em amena cavaqueira com a funcionária do “guichet“. Entrou um conhecido e cumprimentámo-nos. Qualquer oportunidade de conversa num local destes só pode dar em desabafos e injúrias. Disse-lhe com calma, num desabafo audível: – “Já estou aqui há 45 minutos para ser atendida“. Esperei  mais 15 minutos. O casal despediu-se da funcionária, tratavam-se por “tu“. Cheguei-me à frente, apresentei a carta que tinha recebido, ela disse-me saber do que se tratava porque tinha estado com o processo em mãos. Introduziu os dados no computador e diz-me ela: – “Sabe o sistema é muito lento e, enquanto esperamos que o computador processe os dados, vamos conversando, não podemos fazer nada“. – “Sim eu entendo, não há nada a fazer.” – Respondi-lhe com alguma ironia. Na verdade sou pacífica e acredito até que haja funcionários dedicados e cumpridores, sempre dispostos a uma vassalagem confrangedora perante “o sistema” [lento] que nos assiste a todos. Só fico com os nervos todos eriçados quando este Estado, de incompetentes e chupistas, se lambuza com míseros trocados para dar de mamar a uns quantos que são como os vampiros, sempre prontos a atacar e a sugar, ainda que a vaca esteja magra, magrinha. Paguei 47 euros de um imposto automóvel qualquer relativo ao ano de 2008, e respetiva multa. “Deve-se ter esquecido de o pagar” – disse-me ela – “…mas o sistema não perdoa.” Concluiu ela, cúmplice do seu “fiel sistema“.

Anúncios

Sobre Juana

Esta é a minha vida, aquilo em que acredito. O mundo dá voltas, a vida passeia pelo fio dos dias e das horas e eu vou tentando manter o equilíbrio. Sempre na corda bamba.
Esta entrada foi publicada em dia a dia, reflexões com as etiquetas , . ligação permanente.

3 respostas a menos mal

  1. Anónimo diz:

    mesmo assim tiveste mesmo muita sorte. Eu por um dia paguei mais 20euros.
    Repartições publicas…2 anos quase no desemprego, tenho histórias que nunca mais acabam…mas o que adoro mesmo é esperares 4 horas e no fim dizerem-te…”estamos com falta de sistema”….

  2. Juana diz:

    estive 1 hora, mas ainda assim o que custa é aturar a merda do estado português e o seu sistema falido :/

comentários

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s