um dia no campo

casa em ruínas


…no verão.
É sentir o sol impiedoso nas pedras de granito.
É sentir a quietude dos pássaros recolhidos nos beirais.
É sentir o passar vagaroso das horas à sombra do silêncio.
É sentir a espera do fim de tarde quente.
É sentir a natureza calma e paciente à espera que o sol se deite.
É sentir a frescura de um fio de água.
É sentir a vida que passa e espera ainda e sempre o renovar de mais um dia de sol.

Anúncios

Sobre Juana

Esta é a minha vida, aquilo em que acredito. O mundo dá voltas, a vida passeia pelo fio dos dias e das horas e eu vou tentando manter o equilíbrio. Sempre na corda bamba.
Esta entrada foi publicada em fotografia, reflexões com as etiquetas , , . ligação permanente.

comentários

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s