quando

…se tem a vida presa por um fio é natural que a perceção do mundo e da vida se altere. Aconteceu comigo há dois anos e a verdade é que, em função dessa vivência ou experiência, a minha forma de viver e de encarar a vida   se alterou. Hoje não violento a minha forma de ser ou de estar na vida só para ficar bem na “fotografia“. Não faço “fretes” para agradar e não justifico as minhas opções com falsas desculpas.

Anúncios

Sobre Juana

Esta é a minha vida, aquilo em que acredito. O mundo dá voltas, a vida passeia pelo fio dos dias e das horas e eu vou tentando manter o equilíbrio. Sempre na corda bamba.
Esta entrada foi publicada em reflexões com as etiquetas , . ligação permanente.

2 respostas a quando

  1. A frase “não faço fretes”, deve ser das mais usadas no meu dia a dia.
    Às vezes lá tem de ser a nivel profissional, mas a nível pessoal, não faço mesmo!

  2. Juana diz:

    por acaso foi numa situação de trabalho que respondi: “não vou”, temos pena, mas é a vida.

comentários

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s